Um texto sobre os meus amigos

Amigos e amizade

Como você define suas amizades? Pela proximidade? Como você define os amigos dos quais você não tem mais contato?

Loucura achar que amigo é só aquele que está sempre perto. Tenho muitos amigos espalhados pelos mundos. Amigos de infância, amigos que conheci em festa, na rua, na faculdade, no trabalho. Mas nem todos estão presentes no meu dia a dia. Por que? Porque o destino assim o quis, porque distância  nos separou, um novo trabalho, um relacionamento, um curso que findou. São tantos os motivos.

Eu sei que o contato frequente é um forte combustível para a manutenção de uma amizade. Mas isso não impede que eu troque uma mensagem ou combine um encontro esporádico. Talvez parece incoerente, mas eu não teria outra denominação para chamar essas pessoas que não seja de amigo. Essas pessoas que tenho um grande carinho fizeram parte da minha história, me ajudaram no passado, me ensinaram algo e compartilhamos sofrimentos e alegrias.

Você meu amigo e minha amiga que lê esse texto, saiba que eu tenho uma imensa saudade de você. Que no meu dia a dia eu te procuro nas redes sociais para saber se está bem. Acompanho suas conquistas e abro um imenso sorriso me lembrando das nossas noitadas, das nossas peripécias que fizeram parte da nossa história. Tem amigos que não consigo encontrar. Isso me desperta uma frustração, eu fico imaginando como essa pessoa está hoje. Será que casou? Já é mãe ou pai? Qual emprego exerce? Será que realizou seus sonhos ou trilhou outros caminhos? Temo que algumas dessas repostas nunca saberei, então fico imaginando.

Outros amigos eventualmente me esbarrarei pelo mundo. Esses eu sei que vou dar um abraço efusivo, trocarei sorrisos e lembrarei histórias. Perguntarei pelos outros da turma, isso é bem a minha cara. Por um momento me esquecerei dos anos de hiato que ocorreram e me lembrarei daquela menina que iria mudar o mundo, daquele cara que dividimos a merenda. Não, eu não consigo não te chamar de amigo! Por mais que você não esteja presente na minha vida hoje. Pra mim não existe ex amigo. Uma vez dentro do meu coração, você já é de casa. Então sinta-se à vontade de entrar em contato quando quiser, de marcar um café ou uma cervejinha! Amo vocês!

Garoto Perdido

2 thoughts on “Um texto sobre os meus amigos

  1. Muito legal seu texto…

    “Perguntarei pelos outros da turma, isso é bem a minha cara.”
    kkkk verdade… tua cara.

    Mas, às vezes, acredito que tem outro nome sim, nem mais nem menos que “amigo”, só acho que tem outro nome.

    1. Claro minha amiga, concordo contigo. Essa é minha forma de pensar, mas cada um pode pensar de outro jeito. Vamos marcar um café e falamos sobre isso. Bjus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge