Divagações sobre amores e defeitos

 

Aperte o play antes de começar a ler!

Me disseram que Deus sabe o que faz. O que tem que ser, será. Tenho muito receio disso, pois acho que isso acomoda as pessoas. Me deixa frustrado o fato de que, na primeira crise, no primeiro desencontro, um já queria desistir. Por que não se darem as mãos, e persistirem juntos? Mas fácil encontrar uma pessoa que não tenha alguns defeitos. Mas todo mundo não tem? “Deus quis assim”. Deus não, você quis assim. Ou esqueceu do livre arbítrio?

Viver é um aprendizado constante. Eu aprendi que tudo está nos defeitos. Malditos defeitos! Aprenda a amar os defeitos. Isso mesmo. Suportar é pouco, você tem que ama-los. Não importa se ela(e) não tem controle com o cartão de crédito. Descontrolado mesmo seria sua vida sem ela(e). Não importa se ela(e) não gosta das coisas que você ama. Ela gosta de você! Suas coisas é você que tem que gostar mesmo. Às vezes brigam muito? E daí?! É muito bom a reconciliação. Os beijos e carinhos possuem mais desejo. Não importa se ele(a) não sabe se arrumar direito. Você está lá para dar assessoria de moda. Será que às vezes é chato se ela(e) não tem planos? Faça planos com ela(e). Mude os seus. Se você acha que o relacionamento não tem sintonia. Sintonize sua própria frequência. Nada precisa ser igual aos outros. Não se estresse se ela(e) demora a se arrumar. Pense: “E se você demorasse só mais um pouco eu te esperaria por uma vida inteira”. Você me esperaria?

Não espere tudo acabar para perceber isso. Não importa se não deu certo. Não existe começos e fins definitivos. A vida acontece todo dia. Não importa o que aconteça o amanhã sempre virá. Se a vida não tem fim definitivo, quem disse que o amor terá?

Nosso tempo é tão curto pra ficarmos perdendo tentando achar a pessoa perfeita quando ela(e) já está bem do nosso lado. Não veja os defeitos e se tornará perfeito! Ninguém nasce pronto e ninguém é perfeito. Viva e sorria. Desapegue dos detalhes ruins. Por que será que tendemos a lembramos mais das partes ruins do que das boas? Eu sei porque. Porque somos uns egoístas com medo de sofrer. Não queremos fazer papel de bobo. Contudo, bobo mesmo é não ter tentado. Mas você não quer riscos e nem sofrimento. Entendo. Vá viver sua vidinha chata e monótona então. Porque eu quero rir, quero chorar, mas acima de tudo eu quero sentir! Se você que está lendo isso está em um relacionamento que não parece bem. Lembre-se do início. Do primeiro sorriso, do primeiro “eu te amo”, dos momentos de superação juntos, dos melhores beijos em locais mais inusitados, das risadas dadas nos momentos acalorados da sala de estar. Lembre-se dos planos absurdos que foram criados para o futuro de vocês. Você ainda se lembra. Garanto! Nesses pensamentos encontre combustível ou remédio para superar as fases ruins. Coloque tudo isso na balança do amor onde a gravidade não existe. Esse é o segredo do relacionamento ideal que tive que aprender com a dor… Esperto é quem aprende com seus erros, sábio aprende com os erros dos outros. Amém!

“O choro pode uma noite durar, mas a alegria vem pela manhã.” Salmo 30: 5

 

Garoto Perdido

2 thoughts on “Divagações sobre amores e defeitos

  1. O texto é lindo moço, mas eu não concordo muito com ele. No meu campo de visão, eu vejo que se um casal não está feliz, logo tem algo de errado. Se isso puder ser resolvido, ótimo, mas se não puder, a única coisa racional a se fazer é terminar e tentar de novo com outro alguém
    Achei muito válido essa coisa de “não procurar a pessoa perfeita”, só temos que procurar quem nos faz feliz, mas se não fizer, não tem porquê permanecer no mesmo erro.
    Claro, todo rlacionamento tem seus altos e baixos, mas se for uma coisa ruime cansativa, é porquê não é para ser.
    Abraço <3

    1. Verdade Gustavo. Temos que procurar o que funciona para gente. Mas o que eu quis ressaltar que existem pessoas que no primeiro revés acabam por impulso. Não tentam um pouco mais. Às vezes isso faz toda a diferença. Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge